NYC without trash

The IDEO New York team believes in “a NYC without trash.” Their cinematic piece, the latest addition to IDEO’s climate change portfolio, targets waste as an area of exploration. They say, “When most people consider the environmental impact of trash, steamy landfills or smoky incinerators come to mind. The reality is that these are merely endpoints of a much larger system.” Are you willing to align your behaviors with a system that’s willing to support a no-waste future?

Gatos

Um smartphone de 100$ da Palm…
Via Sci-Fi Tech.

 

“Pena de Morte”!

Foi isto que o Irapuan respondeu quando enviei pra ele o link pra uma notícia pra lá irritante. O Ira já teve um gato chamado Java (*1996 ~ †2001).

O Dino Lincoln, amigo da faculdade, quando leu a ‘coisa’ disse assim:

“Era pra fazerem o mesmo com esse infeliz:
Segurarem pelo saco, rodar, rodar e jogar na parede!”

Dino tem um gato que ‘atende‘ pelo nome de “Gato”.

Isto é o tipo da coisa que me dá raiva… muita raiva. Como alguém pode ser tão imbecil?

Por coincidência, vi – praticamente na seqüência – que o Jânio publicou um post falando sobre o Tommy, um gato que ele ganhou de presente. Fiz um comentário por lá, falando sobre a gata (Natasha *1991 ~ †2006) que já tive e sobre o gato (Kuki *2007 ~ ?) que tenho.

 

Kuki, primeira noite em casa, brincando na rede.
Este é o sujeito que temos aqui em casa.

Todas as histórias que falam por ai sobre gatos serem chatos, interesseiros e tudo mais, não possuem o menor fundamento. Na verdade, isto possui tanta credibilidade quanto a lenda que fala que gatos não gostam de se molhar.

 

kuki na pia

Coisas sobre gatos:

Fato:
“Cats are intended to teach us that not everything in nature has a function.”