Simian Raticus

braindead

Minha noiva e eu temos uma certa predileção (muito questionada pelos amigos) por filmes de Terror. Mas tem de ser Terror do mais gosmento e escatológico possível não precisa ser Terror dos melhores não. Gostamos de um bom Filme de Terror, mas pode ser daqueles filmes “B” mesmo, não tem problema… As vezes, é até bem mais divertido.

Mas enfim… Tem mais ou menos um ano que paramos pra assistir o Fome Animal (Dead Alive / BrainDead, 1992) do Peter Jackson. De tão escatológico, termina sendo filme um filme de ‘Terror-Comédia’.

Neste filme, Peter Jackson já dava sinais de que era um bom conhecedor da história de King Kong mais de 10 anos antes de assumir a produção e a direção do King Kong de 2005, re-filmagem blockbuster do filme clássico-cult-original King Kong de 1933.

king-kong-game
Screenshot do Game King Kong.

Mas afinal de contas, qual é esta relação entre os dois filmes? Simples: Todos os dois filmes mostram a Ilha da Caveira. Em King Kong, esta é a ilha do Oceano Índico onde vivem os seres pré-históricos e o macaco gigante. Em Fome Animal, é nesta mesma ilha onde vive o ‘Rato Macaco de Sumatra’ (Simian Raticus). Uma criatura com olhos grandes e quase sem pêlos, resultado do cruzamento de pequenos macacos com ratos gigantes.

rato-macaco
O simpático Rato-Macaco.

O aspecto mais bizonho da criatura é a sua mordida fatal que infecciona rapidamente. Quem é vitimado entra num coma e morre, voltando alguns minutos depois como um Zumbi.

Recomendo pra quem tem estomago forte. Afinal, mais tosqueira, impossível!

Obs:
Perceberam como não me referi aos outros filmes de King Kong, como o de 1976 e a seqüência de 1986? Pois foi de propósito…

2 Replies to “Simian Raticus”

  1. Cara, eu sempre adorei Fome Animal. Náusea Total não fica muito atrás em tosqueira não, só que ele não é tão bem feito.

    Agora, um filmaço de terror é Cannibal Holocaust. É de virar o estômago com as barbaridades qestão lá.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *